segunda-feira, 25 de março de 2013

Sempre adorei esta foto

Não sei onde é, não sei quem são. Não a viro sequer, tenho-a sempre visto assim. Torta!
Imagino uma noite numa qualquer capital europeia, num qualquer bairro, a porta de um bar, uma noite de copos num tempo que ainda não é primavera ou num madrugada de outono, em que o frio é sentido mas não por quem já bebeu a sua conta.
Um cigarro, um segredo ao ouvido, um passo de dança ao som de uma música de toca no interior de um bar ou da cabeça de quem se agarra, quem nada sente, nem o frio, nem quem passa...
Não precisa de ser o primeiro passo para nada mais, pode ser apenas mais uma numa noite com amigos, a quem o álcool desperta cumplicidade, a quem o álcool puxa para fumar e para dançar no passeio de uma rua qualquer, num bairro qualquer em qualquer capital europeia.

Sem comentários: