quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Reclamação - Produto com Defeito

Querido corpo,
Em primeiro lugar, gostaria de agradecer o acompanhamento que tens feito da minha pessoa nestes últimos 26 anos. Sempre considerei de bom tom, começar uma descasca com algo positivo para que fosse mais fácil o receptor suportar as palavras seguintes.

Pois então, querido corpo, não só me andas a trair com o estômago num complô massacrante para me aumentar o apetite como hoje decides que seria boa ideia começar a ter dores de garganta e o nariz entupido.
Queria apresentar a minha reclamação pelo péssimo serviço prestado nos últimos dias e aviso-te já que, se decides roubar-me a voz nos próximos dias e meter-me de cama ou a arrastar-me de um lado para o outro com cara de zombie, vais pagar muito caro (e eu também!).

Sempre tua (mesmo que contrariada com algumas curvas auto provocadas)
Elsa R.

1 comentário:

EfeitoCris disse...

1. temos de reclamar no remetente
2. o defeito espalha-se na familiaridade
3. daqui dor de dentes e possível extracção do pecador!
4. o aumento de apetite (dizem que é do tempo)
5. a moleza e falta de energia, não é constipação ... tb é do tempo (dizem os antigos!)

será que duas reclamações fazem mais impacto do que uma!?

lol