segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Um crime à minha porta

quando me perguntam qual é a minha banda preferida encolho sempre os ombros, na realidade não tenho, não sigo nada cegamente, gosto de muita coisa mas ocorre-me sempre o pensamento que, se tivesse de escolher, iria escolher Ornatos Violeta.

Há quem não conheça, há quem não goste, quem só conheça a "ouvi dizer", há quem adore e quem tenha saudades.
Tou com estes últimos, tou ainda na parva categoria e achar que cada música me diz algo completamente diferente de cada vez que a oiço, e ontem esta mudou de significado.
3horas de caminho até casa, salvou-me o longo CD cheio de música boa.


As razões:
Não há razões!
É que eu não tenho mais amor pra dar,
E a ninguém!
Quero não amar p'ra não cair,
Não vou dar,
E não vou ter,
A mesma forma de estar.
Tudo bem vá durar um dia,
Faça agora tudo o que eu fizer.
Quero estar voar e só contigo,
Mas só enquanto eu quiser.
Sobre esta forma de amar,
Vai de uma forma de estar. 

e vocês pensam....mas esta merda a mim não me diz nada!!

Sem comentários: