segunda-feira, 14 de março de 2011

Tou com a puta da neura

detesto merdas
detesto confusões
detesto mulheres inseguras (por vezes detesto-me a mim, sim!)
detesto quem não sabe ser homenzinho para tratar dos seus assuntos
detesto mal-entedidos
detesto gritaria, confusão 
detesto suspirar porque a cabeça tá tão cheia de pensamentos que não sabe para que lado se virar
detesto incertezas
detesto não saber a reacção das pessoas que me são chegadas
detesto ter de mudar a minha maneira de ser para agradar quem quer que seja
detesto ter de sair de casa em dias em que sei que nem devia sair da cama
detesto estes dias em que detesto tudo
detesto todas as vezes que me queixo, sem ter razão para me queixar.

Agora....cala-te e vai dormir
Amanhã é outro dia.

Sem comentários: