quinta-feira, 18 de novembro de 2010

R.I.P Canina

Nunca mais vais largar pelos no meu tapete
nem vou sentir esse cheiro a cão especial que tinhas quando te dava beijinhos na cabeça
nem nuncas mais te vais aninhar comigo no sofá
nem pedir-me castanhas à mesa
como é que um segundo pode mudar tanta coisa

1 comentário:

efeitocris disse...

nem comer gambas que nem uma doida...
nem me arranhar as pernas quando chegava À casa da mãe...
nem vou poder cheirar-lhe as patas;)

enfim, nunca mais a vamos ver