quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Oh José...


Tem toda a razão. Há coisas que não se procura, são elas que nos encontram.

Sem comentários: