sexta-feira, 11 de novembro de 2016

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Coisas para pensar


A student asked a teacher:
“ whats the difference between I like you and I love you?”

The teacher beautifully answered with:
“ well its like a flower. If you like a flower, you pluck it.
If you love a flower, you water it every day and take care of it”

And if you understand that my friend, you’ll understand the concept of love and life."

terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Coisas que me fazem sorrir

I love unmade beds. I love when people are drunk and crying and cannot be anything but honest in that moment. I love the look in people’s eyes when they realize they’re in love. I love the way people look when they first wake up and they’ve forgotten their surroundings. I love the gasp people take when their favorite character dies. I love when people close their eyes and drift to somewhere in the clouds. I fall in love with people and their honest moments all the time. I fall in love with their breakdowns and their smeared makeup and their daydreams. Honesty is just too beautiful to ever put into words.

segunda-feira, 9 de novembro de 2015

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

quarta-feira, 22 de abril de 2015

Hozier-a-day

Todos os dias, desde o dia em que ouvi Take me to church pela primeira vez que Hozier me toca aos ouvidos.  Todos os dias, esteja triste ou contente, cansada ou enérgica, Hozier-a-day keeps my thoughts away.

quinta-feira, 19 de março de 2015

A ler eu sou inteira


Ler é a cola dos meus dias, é o que me unifica, o que me mantém inteira, sã. A leitura é o que preenche o vazio que se cria com o stress dos dias que teimam em quebrar-me o ímpeto, machucar-me o espiríto, desvanecer-me o sorriso.
A ler eu sou inteira.

domingo, 15 de fevereiro de 2015

Completamente viciada

desde 5ª feira que ando a dançar ao som disto 
"So I love when you call unexpected
Cause I hate when the moment's expected"


Aquilo que se salva de As Cinquenta Sombras de Grey

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Se o dia começasse noutro sítio...

Podia começar num terraço em Florença, sob o sol matinal de inverno, com uma mesa cheia de comida, ao  som do reboliço da cidade que arranca para a vida e um bom livro, sim, sem dúvida, com um bom livro por companhia.


Assim, era começar o dia....para mim.

(curiosamente, este foi o começo do dia para Scott Schuman do The Sartorialist, eu fico-me pelos cereais em casa e o café na avenida )

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

So, go make your life, not a living

Ontem via uma foto no Humans of New York de uma senhora de 94 anos que dizia
""If you force yourself to go outside, something wonderful always happens!"
e lembrei-me disto
Este post tem música